Após blitz, deputados da oposição cobram uma resposta sobre situação da PE 45

Pinterest

Os deputados estaduais da oposição realizaram nesta segunda-feira uma blitz para investigar uma obra na PE 45 orçada pelo Governo do Estado em R$ 23 milhões e entregue em 2012. Segundo o líder da oposição, Daniel Coelho, os 33 quilômetros da rodovia que ligam o município de Escada a Vitória de Santo Antão estão em péssimo estado e apesar da placa do governo indicando a finalização da obra, a maior parte dos trechos recuperados foram mal executados e os buracos tomam conta da estrada. Durante a sessão na Assembleia, Daniel cobrou esclarecimento sobre a empresa responsável pelo serviço e sobre o valor da obra que contrasta com o estado da rodovia. O líder do governo, Waldemar Borges (PSB), defendeu-se fazendo referência à investigação do caso que já está sendo realizada com as duas empresas envolvidas na recuperação da PE 45.

Além de Daniel, participaram da visita oposicionista à Zona da Mata Terezinha Nunes (PSDB), Betinho Gomes (PSDB) e Severino Ramos (PMN). Os deputados protocolaram um pedido de informação junto à Casa para ser entregue à Secretaria de Transportes para esclarecer quais recursos foram pagos e a que empresas.

Na placa do governo na entrada da rodovia podem ser encontradas a promessa de entrega da obra para setembro de 2012 e também o valor orçado da obra – R$ 23 milhões. Segundo Waldemar Borges, duas empresas estão envolvidas na recuperação, uma foi responsável pelo projeto e outra pela execução da obra. “Ambas estão sendo investigadas e até setembro teremos um resultado. O culpado será punido e uma nova licitação será feita”, esclareceu Borges.

O líder da oposição lembrou que a população de Escada está revoltada e a BR 101 termina sobrecarregada com os carros que preferem desviar da PE 45. “O que fica é a indignação do povo pernambucano. Não me lembro na história de um governo que tenha deixado as estradas tão ruins. Parece mais uma preocupação em assinar novas obras, mas não há envolvimento com a manutenção”, frisou Daniel Coelho, lembrando que a oposição vai continuar fiscalizando e cobrou uma atitude emergencial para resolver a situação da estrada.

Informações: Diário de Pernambuco.

Comentários do Facebook

Pinterest
0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *