FIG 2016: Chega a reta final de apresentações

Pinterest

Mistura de ritmos no palco principal promete ser a chave de ouro. O rock nacional vai estar em alta no FIG 2016 com Biquíni Cavadão. 

A programação do Palco Mestre Dominguinhos, no 26º Festival de Inverno de Garanhuns (FIG), está na reta final, mas nem por isso a qualidade das atrações baixou. A grade de hoje é mais voltada para apresentações regionais e amanhã, o último dia desta edição, sobem ao palco artistas de diversos estilos. O forró pé de serra toma conta desta noite, e não poderia ser em outro palco se não no que leva o nome de um dos maiores defensores do gênero que já existiu. A largada é dada pelo artista local Nando Azevêdo, às 21h. Em seguida, às 22h, a sertaniense Cristina Amaral, que lançou o seu segundo DVD há seis dias, Minha voz, minha vida, traz velhas e novas canções.

Já às 23h10, voltando ao topo com toda força, principalmente após ingressar no elenco da telenovela da Rede Globo Velho Chico, Maciel Melo apresenta clássicos como Nos Tempos de Menino, Rainha e Caboclo Sonhador. Fechando a noite, à 0h20, direto de Juazeiro do Norte, conhecido pelo público pernambucano já há algumas décadas, Santanna, o Cantador, promete fazer o que ele faz de melhor: colocar todo mundo para arrastar o pé ao som de seus sucessos e suas interpretações. São esperadas versões de canções como Lembrança de um Beijo,Vontade e Se Tu quiser, além, claro, de seu sucesso Ana Maria.

O axé de Kiara Ribeiro abre o último dia do palco, amanhã, às 21h. Siba, que se apresenta hoje, às 21h, no Jardim do Mourisco (Praça do Carmo, Avenida Liberdade, Carmo, em Olinda), é a segunda atração do Palco Mestre Dominguinhos no sábado, às 22h. Siba e sua banda (Lello Bezerra, Leo Gervazio, Mestre Nico e Thomas Harres) apresentam canções do seu último disco: De Baile Solto. Já em seguida, às 23h10, Armandinho do Acordeon, Pingo Barros e Tiago Muriê, a banda vencedora do SuperStar

2016, Fulô de Mandacaru, apresenta clássicos como Eu Só Quero um Xodó e No Dia que Saí de Casa, além das canções próprias como Quando o Homem Chora e Fulô de Mandacaru Chegou. À 0h20, o rock nacional vai estar em alta com Biquíni Cavadão. A banda – formada atualmente por Bruno Gouveia (vocal), Carlos Coelho (baixo), Miguel Flores (teclados) e Álvaro Birita (baterista) –, fecha a última noite do palco Mestre Dominguinhos, promete um repertório repleto de sucessos, como os hits Timidez, Tédio e Quanto tempo demora um mês

Palco Pop: cena regional mostra seu brilhantismo

A escalação do palco Pop do FIG 2016 não deixa a desejar ao polo principal. Os dois últimos dias da programação mantêm os esperados shows focados na cena contemporânea regional. Já passaram por lá desde o hardcore da Saga HC até o Reggae da N’Zambi, passando pelo rock da banda Volver. Lançamento de disco e até comemoração de aniversário turbinam o line-up de hoje e amanhã. Hoje, a partir das 18h, chegam à Cidade das Flores os cantores Charles Teony e Muta, o percussionista Erasto Vasconcelos e Geraldo Maia, com o show de seu disco Avia, o segundo de inéditas de sua carreira. Nele, Geraldo compôs com parceiros como Paulo Marcondes, Marcelo Pereira, Marco Polo, Juliano Holanda e Tibério Azul.

Amanhã, com início no mesmo horário, tocam Lucas Notaro e Os Corajosos, Ayrton Montarroyos, Alessandra Leão e o Grupo Bongar, antecipando as comemorações pelos 15 anos de trajetória que completam em agosto. Em junho, o grupo lançou o quarto álbum, Samba de Gira, que tem composições de Adiel Luna, Sapopemba e Juliano Holanda. O palco Pop está montado no lado de fora do Parque Euclides da Cunha, bairro de Heliópolis. Todos os shows são gratuitos.

 

Jornal do Commercio. 

Comentários do Facebook

Pinterest
0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *