HISTÓRIA DO MARACATU – COLUNA FRONTSTAGE

Pinterest

Fala Galera !
Continuando o nosso passeio pela cultura carnavalesca do nosso estado hoje vou falar para vocês um pouco sobre o Maracatu bora lá conferir ?

Bem Galera O Maracatu é uma manifestação cultural da música folclórica pernambucana É formada por uma percussão que acompanha um cortejo festivo, com teatro, música e dança. A parte falada foi sendo eliminada lentamente do Maracatu, resultando em música e dança próprias para homenagear a coroação do rei Congo.

Os Maracatus de Baque Virado sempre começam em ritmo compassado, que depois se acelera, embora jamais alcance um andamento muito rápido. Antes de se ouvir a corneta ou o clarim, que precedem o estandarte da Nação, é a zoada do “baque” que anuncia, ao longe, a chegada do Maracatu. Caboclos e Guias fazem muitas acrobacias, que parecem com os passos dos frevos de carnavalescos.

Há poucos anos houve um movimento de reação sócio-cultural em Recife que fundiu o ritmo maracatu com a influência da música eletrônica. Assim surgiu o movimento Manguebeat, criado por Chico Science, um maracatu moderno. Outras referências são a Nação Zumbi, entre outros seguidores do movimento.

Os cortejos de maracatu são uma tentativa de refletir as antigas cortes africanas, que ao serem conquistados e vendidos como escravos trouxeram suas raízes e mantiveram seus títulos de nobreza, para o Brasil.

Bem galera O cortejo é composto por uma bandeira ou estandarte abrindo as alas. Logo atrás, segue a dama de paço , que carrega a mística calunga, representando todas as entidades espirituais do grupo. Atrás dela, seguem as baianas e, pouco depois, a corte e o rei e a rainha dos maracatus. Os titulos de rei e rainha são passados de forma hereditária. Essa ala representa a nobreza da Nação. De cada lado seguem as escravas ou catirinas, normalmente jovens, que usam vestimentas de chitão.
Mantendo o ritmo do desfile, seguem os batuqueiros. Os instrumentos são diversos: alfaias, que são tambores, caixas ou taróis, ganzás e ABs, esses conduzidos por mulheres que vão à frente desse grupo e que fazem, do seu toque, um show” a parte.

As personagens que compõem o cortejo são os seguintes:
1-Porta-estandarte, que leva o estandarte; este contém, basicamente, o nome da agremiação, uma figura que o represente e o ano que foi criada.
2-Dama do paço, mulher que leva, em uma das mãos, a calunga (boneca de madeira, ricamente vestida, que simboliza uma entidade ou rainha já morta).
3-Rei e rainha, as figuras mais importantes do cortejo. É por sua coroação que tudo é feito.
4-Vassalo, um escravo que leva o pálio (guarda-sol que protege os reis).
Figuras da corte: príncipes, ministros, embaixadores etc.
5-Damas da corte, senhoras ricas que não possuem título nobiliárquicos.
Yabás, mais conhecidas como baianas, que são escravas.
6-Batuqueiros, que animam o cortejo, tocando vários instrumentos, como caixas de guerra, alfaias (tambores), gonguê, xequerês, maracás etc.

Bem Galera acabamos por aqui mais fiquem ligados que até o carnaval irei trazer aqui para vocês muita coisa boa !
Valeu galera até a próxima!

Comentários do Facebook

Pinterest
0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *