Lendas Urbanas – Coluna Resgatando nossa História

Ao ler saibas que não estas só…

Lendas são contos populares, histórias que ouvimos de amigos passadas de gerações em gerações, muitos são fatos de imaginações férteis  que se ganha ou se perde detalhes durante os tempos, as lendas urbanas, mitos e contos de assombrações são pequenas narrações de caráter fabulosas ou sensacionalistas, divulgadas de forma oral ou por livros.

Muitas dessas histórias fazem parte de nosso folclore, são fatos vivenciados e ocorridos por nosso avós, pais e amigos. Quem nunca ouviu uma lenda? Em nossa cidade esses fatos são narrados pela grande historiadora do município Mariinha Leão, através de seu livro: Lendas, Mitos e Histórias da Terra dos Barões, onde podemos desfrutar de uma viagem fantástica guiada por nossa imaginação, quem nunca parou para ouvir um conto sobre a cidade de Escada, muitas dessas são conhecidas pela população, exemplos como o Poço do Sino, A Mulher e o Cemitério, O Padre sem Cabeça e as famosas Peripécias da Comadre Fulorzinha, entre tantas outras lendas e contos de assombração que enriquece o imaginário popular e cultural de nossa cidade.

Em visita a um engenho de Escada, ao entrar na casa grande daquela comunidade me deparei com um antigo piano do fim do século XIX, quando um antigo funcionário daquela casa me contou que a proprietária tinha muito amor pelo piano e gostava de toca-ló todas as noites, músicas que trazia boas recordações, depois de um tempo ela  faleceu e mesmo assim muitos funcionários daquela casa ouviam aquele velho piano tocar sozinho, onde despertava o imaginário do povo a pensar que era o espirito da falecida dona.

A partir do mês de Maio/Junho pretendemos fazer entrevistas através de depoimentos com alguns moradores de nossa cidade para recolher esses fatos.

Para meditação de muitos trago uma frase da amiga e mãe do coração  Mariinha Leão “Atrás de cada lenda, existe uma veracidade”  Fica a dica!

Att : Álex Antony

 

Os Blogs Parceiros e Colunistas do Portal Tirandoonda são formados por autores convidados. Todas as publicações são de inteira responsabilidade de seus autores, da mesma forma que os comentários feitos pelos internautas.

1 responder

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *