NotíciasProgramação

Prefeitura do Recife anuncia programação do Carnaval 2020

Até o dia 25 de fevereiro, a Prefeitura do Recife fará jus à grandiosidade do Carnaval do Recife 2020, que enaltece a força do frevo e da cultura popular através dos homenageados, o maestro Edson Rodrigues e o Bloco das Flores. No período, 46 polos e mais de 2.700 apresentações irão espalhar alegria por toda a cidade. Pelos polos passarão agremiações tradicionais que encantam recifenses e visitantes, além de artistas da terra como Spok, Maestro Forró, Nena Queiroga, Almir Rouche, Maestro Ademir Araújo, André Rio e Silvério Pessoa. Vale ressaltar que em todos os polos descentralizados a escolha da programação é feita em parceria com as comunidades que escolhem, através de votação, duas das cinco atrações a cada noite.

Ainda participam da nossa folia nomes nacionais como Lecy Brandão, Pitty, Zélia Duncan, Jorge Aragão, Skank, Jota Quest, Falcão, Fundo de Quintal e Monobloco. Nação Zumbi fará a alegria dos fãs em dois palcos. O primeiro deles será nas prévias, no Cais da Alfândega, durante o Pré-Amp, no dia 14 de fevereiro e no polo da Brasília Teimosa durante os festejos de Momo.

Outro destaque fica por conta da ampliação da parceria entre a Prefeitura e o mais contemporâneo dos polos Carnavalescos, o Rec Beat. No aniversário de 25 anos de um dos festivais mais importantes da cena nacional, o polo da Alfândega ganha a ação “Frei Caneca FM” convida, na qual a emissora trará ao palco duas das atrações que marcaram a história do festival, que serão anunciadas em breve. A emissora também fará transmissão do palco diretamente para as ondas da 101.5 FM, através da internet pelo freicanecafm.org e também pelo APP gratuito da emissora, que pode ser baixado no PlayStore.

Já o espetáculo de abertura do Carnaval do Recife será comandado pelo músico Antônio Carlos Nóbrega que comandará um grupo músicos, dançarinos e artistas circenses em uma homenagem aos temas do imaginário popular nordestino. “Celebraremos o encontro da tradição e do contemporâneo, numa tentativa de recriar o universo popular”, diz o artista.

CONFIRA A PROGRAMAÇÃO DO MARCO ZERO

Sexta (21) Sábado (22) Domingo (23) Segunda (24) Terça (25)
Abertura Dita Curva Karynna Spinelli Almir Rouche Lenine
Maestro Edson Rodrigues e Bloco das Flores Nena Queiroga e convidadas Gerlane Lops e o Samba de Bambas Skank Alceu Valença
Espetáculo de abertura – Antônio Nóbrega Elza Soares Mariene de Castro Pitty Elba Ramalho
Maestro Forró e convidados Gaby Amarantos Spok e convidados
Banda Musa Orquestrão

Algumas atrações em outros polos

Arsenal Várzea Pátio de São Pedro Alto José do Pinho
Zélia Duncan Paralamas Gabi do Carmo Lenine
Lecy Brandão Fim de Feira Devotos Josildo Sá
Banda de Pau e Corda Falcão Geraldo Azevedo Devotos
Lia de Itamaracá Nena Queiroga Café Preto Isaar
Flayra Ferro Maestro Forró Zélia Duncan Maestro Forró
Quinteto Violado Lia de Itamaracá
Campo Grande Lagoa do Araçá Casa Amarela Cordeiro
Gaby Amarantos Fafá de Belém Jorge Aragão Lecy Brandão
Fundo de Quintal Mombojó Elba Ramalho Alceu Valença
Monobloco Geraldinho Lins Mariene de Castro
Los Cubanos Café Preto Silvério Pessoa
Ibura Poço da Panela Brasília
Banda Musa Jorge Aragão Nação Zumbi
Fundo de Quintal Silvério Pessoa Falcão
Fafá de Belém Benil

TUMARACA E UBUNTU – Na quinta (20 de fevereiro), data que marca a despedida das prévias, o bairro do Recife ganha todo o poder e energia do Axé dos ancestrais com o protagonismo das tradições de matrizes africanas através das cerimônias do Ubuntu e do Tumaraca. A partir das 16h, um cortejo formado por 24 afoxés realiza a cerimônia de cunho religioso com lavagem do Boulevard da Rio Branco, promovendo uma purificação da cidade e sacralizando o Axé e parte rumo ao Marco Zero, abrindo caminhos para os foliões e evocando bênçãos para a festa do Carnaval. A partir das 18h, o Marco Zero vira palco para o Tumaraca – Encontro de Nações, espetáculo que reúne 13 agremiações de Maracatu de Baque Virado com 700 batuqueiros no coração dos festejos de Momo. No palco, os mestres irão fazer uma autorregência com participações do Coral Voz Nagô, Marrom Brasileiro e Coco Raízes de Arcoverde.

ESPETÁCULO DE ABERTURA – A noite de abertura do Carnaval contará com cortejo circense pelas ruas do Recife e com espetáculo concebido pelo artista Antônio Nóbrega, que reunirá músicos, dançarinos e circenses para um passeio pelos ritmos, danças e temas que pulsam no imaginário cultural e social nordestino.

Nóbrega leva ao palco do Marco Zero uma apresentação que reúne música e dança, referenciada na cultura popular brasileira, do caboclinho ao cavalo marinho, passando pelo maracatu rural. O artista estará acompanhado de 10 músicos, que já costumam atuar com ele por suas andanças, 20 integrantes do grupo recifense Matulão de Dança, oito artistas circenses e quatro bailarinos que também fazem parte da trupe de Nóbrega.

O repertório musical trará algumas surpresas, inclusive trabalhos inéditos, compostos especialmente para o espetáculo. Algumas obras foram criadas com o poeta Wilson Freire, parceiro de longa data de Nóbrega. A cenografia será toda eletrônica, com projeto de vídeo de Alexandre Amêndola. O espetáculo, em construção há dois meses, terá uma hora de duração. “O espetáculo terá o tom de nossa época: enveredando pelos temas que nos tocam, do lírico ao político”, diz o artista

Em seguida, os homenageados do Carnaval 2020, maestro Edson Rodrigues e Bloco das Flores saúdam o reinado de Momo com muito frevo. Maestro Forró dá continuidade à festa, com toda a sua irreverência e animação e a noite será encerrada pela Banda Musa, que irá colocar o Marco Zero pra dançar ao som do brega.

SÁBADO DAS MULHERES – A Prefeitura do Recife inova no palco do Marco Zero ao celebrar a força feminina na cadeia cultural e vida pulsante da cidade. No coração da folia recifense, o principal palco da cidade ganha o protagonismo apenas delas. Em uma iniciativa inédita, as mulheres irão comandar a folia em uma noite que promete ser histórica e na qual até mesmo a apresentação será feita por duas mestres de cerimônia. A festa feminina e feminista será aberta pelas mulheres do coletivo Dita Curva. Formado pela nova geração e idealizado por Flaira Ferro, a Dita Curva reúne nomes como Aishá Lourenço, Aninha Martins, Isaar, Isadora Melo, Laís de Assis, Luna Vitrolira, Paula Bujes, Sofia Freire e Ylana. Em seguida, Nena Queiroga sobe ao palco ao som da Orquestra Frevo Mulher acompanhada por um time de convidadas especiais como Gabi da Pele Preta, Aurinha do Coco e Coral Edgar Moraes. Para encerrar a noite apoteótica, a diva Elza Soares promete fechar a noite em grande estilo.

DOMINGO DO SAMBA – dedicado à noite do samba, Karynna Spinelli será a responsável pela abertura da festa no Marco Zero, seguida por Gerlane Lops e sua Orquestra de Bambas com convidados do mais genuíno samba pernambucano. Em seguida, quem sobe ao palco é a baiana Mariene de Castro, uma das mais potentes e cultuadas vozes do samba nacional.

SEGUNDA DO POP – Será aberta com o frevo moderno dos pernambucanos Almir Rouche e André Rio, que abrem alas para três atrações nacionais de peso. São elas o rock dançante do Skank e o poder da performance da baiana Pitty.

TERÇA-FEIRA GORDA – marca a despedida da maior festa de rua do Brasil ao som de muito frevo. A abertura da noite marca a volta de Lenine ao Carnaval do Recife no palco do Marco Zero. Em sequência, Alceu Valença, maior embaixador do autêntico Frevo de Rua promete incendiar o epicentro das celebrações momescas e antecede a diva Elba Ramalho e sua contagiante energia. Os preparativos para a despedida ficam por conta de maestro Spok e seus convidados, entre eles André Rio, que antecedem o tradicional encerramento com o Orquestrão, que saudará a quarta-feira de Cinzas em tom de despedida com o melhor do frevo local.

Informações: Site Carnaval do Recife

Etiquetas

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar